Fisioterapeuta – Garanta sua vaga no mercado

Vaga no mercado

Não é novidade que a Fisioterapia, nossa profissão, é jovem. Porém, devido ao dinamismo da categoria,  faculdades,  especializações residências, congressos, entidades, cursos e negócios na área surgiram nos últimos anos. Enfim,nos tornamos úteis para milhões de pessoas no mundo, mas, parece-me que ainda falta o Fisioterapeuta entender isso.

Pelas palestras e eventos, que organizo e participo, vejo jovens, ávidos por conhecimentos, sejam técnicos, sejam de vida, lotarem os auditórios na busca de uma tão sonhada autonomia, que, infelizmente, muitas vezes é cerceada pelo mercado.

Nada adiantará, aqui nesse momento, discorrer sobre a realidade junto as OPS(Operadoras de Planos de Saúde), entidades que nunca respeitaram nossa palavra e que gastam menos de 1% de seu faturamento no pagamento de nossos honorários. Um dia, e por isso lutar, o Fisioterapeuta entenderá que tais entidades somente existem, de direito, se ofertarem nossos serviços. O custo para essas é tão baixo que é preferível contratar empresas prestadoras de serviços que verticalizar o serviço(ter uma equipe própria) dentro de seus estabelecimentos.

Em esferas superiores ganhos fantásticos já foram garantidos. Estaremos no SIMPLES em 2015, tivemos nossos direitos assegurados com o veto parcial sobre o ATO MÉDICO, estamos na ANS e a cada dia temos mais mestres e doutores em Fisioterapia. Nos resta, contudo, o espírito corporativista, a visão empreendedora, a VONTADE DE SER AUTÔNOMO e NÃO EMPREGADO, ai sim teremos o que merecemos.

O acadêmico de Fisioterapia ou aquele que está iniciando suas atividades precisa entender que o que irá garantir sua vaga no mercado NÃO SERÁ O SEU CONHECIMENTO TÉCNICO, mas a CAPACIDADE DE ASSUMIR E HONRAR COMPROMISSOS.

 

Luis Henrique Cintra

Fisioterapeuta Consultor

Sobre nós mesmos.

Leandro Leão Fisioterapeuta BA

Dr.Leandro Leão
Fisioterapeuta BA

Sentimos bem como é difícil ser Fisioterapeuta, quando nos permitimos a cada dia não falar em gestão, não debater nossos problemas e o pior de tudo é nos permitir a brutalização pela falta de conhecimento. Logo, os sintomas de falência da profissão são evidentes quando culpamos todos e não fazemos nada além de apenas reclamar e quando a grama do vizinho é mais verde e mais bem cuidada que a minha. Acordemos colegas e sinceramente deixemos de discutir assuntos bobos e vãos que não produzirão nada e nunca nos levará a nada. Nos falta capacitação e politização ao passo que nos sobra preguiça mental e uma vontade louca de buscar um culpado pela nossa inércia e nossa morosidade com nós mesmo. Uma vez disse que somos mofinos e continuo a acreditar ainda mais que agimos conforme a nossa fome e não de acordo com uma estratégia unida, bem planejada e com a participação de todos. Posso até estar enganado, mas o Fisioterapeuta é um mestre em espalitar os dentes de barriga vazia. Reclama de mais e pensa de menos. Culpa o Conselho, Sindicato, Operadoras, Patrões,, Deus e até o paciente , todavia não se volta para o epicentro dos problemas que é a postura relapsa e indolente com seus direitos.

 

Leandro Leão

Presidente da Associação Baiana de

Prestadores de Serviços Fisioterapêuticos

 

Minha consciência, eu construo.

Fisioterapeuta, consultor de negócios em Fisioterapia

Fisioterapeuta, consultor de negócios em Fisioterapia

Durante anos carreguei bandeiras que, muitas vezes,  afastaram-me de meus amigos e consumiram um tempo que jamais voltará. Jamais farei alusão ao ANALFABETO POLÍTICO, mas, hoje, tomo minhas decisões sem esperar que qualquer governo possa contribuir, ou não, para o resultado de meu trabalho.

A classe média, dedicada e pagante de impostos, fica  cada vez mais achatada e endividada para manter o padrão que a classifica. Pagamos uma EDUCAÇÃO DIFERENCIADA, uma SEGURANÇA PRIVADA e uma SAÚDE que, ainda, comparada a seu custo, está longe de ser a mais adequada.

Como FISIOTERAPEUTA atesto,  o governo atual tomou algumas medidas que, sem dúvidas, foram das mais importantes para a nossa categoria nos últimos 20 anos. A primeira, o VETO PARCIAL SOBRE O ATO MÉDICO, gerando a autonomia merecida aos demais profissionais de saúde, a segunda a CRIAÇÃO DO PROGRAMA MAIS MÉDICOS que, mesmo não sendo a solução para a saúde pública em nosso país, leva um pouco mais de esperança a povos, que em  sua maioria, não conseguiam ter a assistência médica mínima necessária em suas vidas, e, por fim ,a INCLUSÃO DA FISIOTERAPIA NO SIMPLES que cria ambiente mais propício ao desenvolvimento de pequenos negócios para profissionais que pretendem viver de sua profissão. Por tudo isso, e com mansidão em minha consciência, que VOTO EM DILMA sem medo de críticas ou interpretações que possam vir de amigos ou parentes.

Ao longo de 3 meses, publiquei, nesse espaço, programas e idéias de 2 colegas de profissão: CRISTHINA BRASIL(candidata a deputada estadual) e GORETE PEREIRA(candidata a deputada federal). Ato espontâneo e livre de qualquer interesse, acredito que essas podem fazer muito por nós, FISIOTERAPEUTAS e  povo brasileiro. 

Não escrevi esse texto para pedir votos a ninguém, acho que cada um deve tomar sua decisão e, assim, exercer sua cidadania. Infelizmente, contudo, essa parece somente aflorar nos períodos de eleição.

 

Luis Henrique Cintra

Chapa LHC vence as eleições para o CAFISIO / INTA

Chapa LHC

Tive a honra de acompanhar pleito democrático realizado pelo CA Ruy Gallart de Menezes do INTA(Sobral) com o objetivo de eleger os novos representantes estudantis que representam o futuro de minha profissão. Três chapas concorriam: HELDER MONTENEGRO, LHC e SÔNIA GUSMANN.

Segunda-feira, 08/09/2014, foi feita a eleição com o seguinte resultado:

– HELDER MONTENEGRO:  29,44%

– LHC: 39,77%

-SÔNIA GUSMANN: 26,97

– BRANCOS/NULOS: 3,82%

Sendo portanto a CHAPA LHC – Luis Henrique Cintra – a vencedora do pleito. Parabéns a todos os integrantes da chapa e que seus eleitores entendam que nenhuma gestão é feita somente pelos gestores. Acreditem que nossa profissão pode ser diferente que ela será.

Aos membros da diretoria:

Façam jus à vossa missão, lembrem – se que vocês representam um grupo de pessoas que visualizam nossa profissão como o objetivo de suas vidas.Tenham cuidado com a vaidade, foquem – se nos resultados e nunca, nunca ajam fugindo de nosso código de ética.

 

Calma e força. …sempre.

 

Cumpro agora minha promessa inaugurando uma página permanente nesse espaço para a chapa vencedora. Essa poderá publicar suas informações sempre que assim desejar, acesse:

http://fisioterapeutasempresarios.wordpress.com/entidades-de-classe/centros-academicos/ca-ruy-gallart-de-menezes/

 

Luis Henrique Cintra