O PLANO DE NEGÓCIOS EM EMPREENDIMENTOS FISIOTERAPÊUTICOS

Imagem

Antes de começar qualquer empreendimento o Fisioterapeuta deve criar um Plano de Negócio. Esse documento representa um mapa que o mesmo deve seguir para verificar se sua idéia é válida ou não.

 Muitos colegas empreendedores acabam realizando apenas uma parte desse plano, apresentando, dessa forma, problemas futuros devido a situações que não foram previamente estudadas.

 Outra situação muito comum é quando colocamos um negócio e não pensamos em geri-lo, acreditando que tal função não nos compete. Com o passar dos anos,  observamos que para ter algum tipo de lucro, o “livro caixa” não é suficiente. Daí, se não houver uma mudança de hábitos, nosso sonho pode transformar-se em pesadelo.

 Se você tiver que quebrar, o faça no papel e não no mercado. Conheça bem as ferramentas de gestão ainda na faculdade, dessa forma você se preparará para tomar as decisões certas, nas horas certas e de cabeça fria. Conhecimento é poder.

 Curta nossa Fan Page no Facebook e receba as atualizações de nosso Blog Fisioterapeutas Empresários, lá você encontrará dicas para o mundo empresarial da Fisioterapia conseguindo assim informações valiosas para sua autonomia profissional

A concorrência na Fisioterapia

perfil

Diariamente converso com colegas que alegam que a concorrência é desleal, ou seja, nenhuma novidade. Prefiro dizer que na realidade a concorrência não é desleal, mas desinformada, e isso parece estar bem relacionado ao velho e rotineiro assunto, o MEDO, sim, temos medo daquilo que não conhecemos, daquilo que vive no imaginário. Preferimos calcular o nosso preço não no “valor” de nosso serviço mas no “preço” que nosso vizinho aplica.

A experiência mostra que clientes de uma clínica de Fisioterapia não frequentam o local necessariamente pelo preço de seus serviços, e sim, pela facilidade de seu acesso.Trânsito, má comunicação, atendimento fora do horário, equipamentos quebrados ou equipe mal treinada faz o cliente perder algo mais importante que dinheiro, o faz perder TEMPO. Expandindo o raciocínio, o faz perder parte de sua vida “esperando” que o serviço de Fisioterapia seja realizado.

Estudos mostram que os clientes de uma determinada clínica habitam ou trabalham num raio de 3 km daquele local. Ninguém vai rodar 10 km para ter um desconto de R$ 20,00 ou R$ 30,00, principalmente no que diz respeito a tratamentos seriados, pois, como já definimos acima, a “perda de tempo” não justifica.

Um abraço,

Luis Henrique Cintra