Quem dera…Obrigado, Sobral

Sobral_Blog

Quem dera, um dia, eu aprendesse a cuidar, e pudesse ter, em minhas mãos, o alívio do sofrimento de alguém.

Quem dera, um dia, eu me superasse, e fosse a ferramenta para alguém, que só deseja andar.

Quem dera, um dia, eu soubesse falar, e, através de idéias, guiasse jovens que buscam um ideal.

Quem dera, um dia, eu aprendesse a escrever, e relatasse a emoção de ter sido útil, pelo menos, 1 vez na vida.

Quem dera, um dia, eu conseguisse ser, por um breve momento, FISIOTERAPEUTA.

 

Obrigado Sobral, 23/10/2014

 

Luis Henrique Cintra

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>